A benção da Salvação

TEXTO BÁSICO: LC 10:1-10
Este texto fala de Zaqueu, um cobrador de impostos que havia enriquecido à custa da desonestidade e que, por isso mesmo, não era bem visto pelo seu povo. Entretanto, Zaqueu teve a oportunidade de conhecer Jesus ao levá-lo para sua casa. O que aconteceu como consequência desse encontro foi o que chamamos de conversão, uma verdadeira guinada na vida desse homem e, também de sua família. Vamos procurar tirar as principais lições dessa história para que, Jesus possa alegrar-se mais uma vez, dizendo: “Hoje veio salvação a esta casa!”.

  1. ZAQUEU TINHA UM DESEJO INTENSO DE CONHECER JESUS, POR ISSO ELE VENCEU TODOS OS OBSTÁCULOS (Lucas 19.1-4).
    Uma marca comum na vida daqueles que são abençoados com a presença de Deus é a sede que têm no coração de conhecê-lo e a determinação de o buscarem, custe o que custar. Muitas pessoas esperam que o Senhor as abençoe, mas não estão dispostas a pagar um preço para isso. Zaqueu não. Ele tinha muitos empecilhos para chegar até Jesus: seus limites naturais, a barreira da multidão e o próprio rótulo que as pessoas lhe davam como consequência de sua vida desonesta, eram argumentos para que ele não tivesse um encontro com Cristo. Mas Zaqueu estava decidido e por isso venceu todos os problemas, inclusive expondo-se ao ridículo de subir numa arvore (lembre-se de que ele era rico, tinha status). Foi certamente essa postura que chamou a atenção de Jesus para a vida dele. Nós também precisamos demonstrar o quanto queremos o Senhor. Uma maneira de fazê-lo será assumirmos o compromisso de estar aqui juntos, buscando sua presença. Jeremias 29.13; Isaias 55:6-7
  2. JESUS QUE CONHECIA ZAQUEU, REVELOU O DESEJO DE ENTRAR EM SUA CASA (Lucas 19.5).
    Que surpreendente o fato de Jesus, sem nunca ter visto Zaqueu, chamá-lo pelo nome diante de uma multidão e dizer que queria ficar em sua casa! Por que Ele fez isso? Em primeiro lugar, porque conhece o nosso coração e nos vê além dos nossos rótulos. Em segundo lugar, porque Jesus percebeu uma boa atitude em Zaqueu, uma vez que ele estava em cima de uma árvore para vê-lo. Isso nos ensina que pessoas passivas não chamam a atenção do Senhor. Precisamos manifestar nossa fé! Em terceiro lugar, o desejo do Senhor é mudar, não apenas nossas vidas, mas nossas famílias. Por isso Ele propõe entrar em nossas casas
  3. ZAQUEU DEMONSTROU PRONTIDÃO E ALEGRIA EM RECEBER JESUS, A DESPEITO DO QUE OS OUTROS PENSAVAM. (Lucas 19.6-7).
    Muita gente fica resistente em receber Jesus e assumir a fé. Pensam no que os outros vão dizer, apega-se à sua agenda e a seu conforto e fecham a porta para o Senhor. Zaqueu, porém, ao ouvir a proposta de Jesus de ficar em sua casa, apressou-se e o recebeu cheio de alegria. Embora as pessoas o reprovassem, ele viu naquela oportunidade a chance de sua vida e não pensou duas vezes. Ele era um filho da paz e estava disposto a fazer de sua casa uma casa de paz. Lucas 10:5-6, Apocalipse 3.20
  4. O IMPACTO DA PRESENÇA DE JESUS TEM QUE MUDAR AS NOSSAS VIDAS (Lucas 19.8).
    A presença santa de Jesus deve nos constranger ao arrependimento. Ele entra em nossa vida e em nossa casa, não para deixar as coisas como estão, mas para provocar uma conversão, uma mudança de direção. Infelizmente, muitas pessoas receberam Jesus em suas casas, mas não decidiram mudar de vida. Foi só um evento social. Com Zaqueu, não. Ele sabia que era um pecador (como todos nós) e estava arrependido, disposto a mudar. Ao Chamar Jesus de “Senhor”, ele professa-o como novo dono de sua vida. Agora ele estava se convertendo a Cristo e sua decisão de tornar-se um abençoador de vidas (não mais um usurpador) e de restituir àqueles a quem havia prejudicado demonstra que ele passou a ser um novo homem.
  5. A SALVAÇÃO É O MAIOR MILAGRE QUE PODE ACONTECER NA VIDA DE UMA PESSOA (Lucas 19.9-10).
    Muitas vezes buscamos a Deus por causa de enfermidades, problemas familiares, financeiros, enfim, para que ele supra nossas necessidades. Entretanto, a obra mais importante ao Senhor na vida de um homem é a salvação, pois dai se abre a porta para todas as outras bênçãos. Foi por isso que Jesus se alegrou tanto. Ele veio salvar quem está perdido!
    CONCLUSÃO E ORAÇÃO
    Zaqueu teve a vida mudada ao receber Jesus em sua casa. Ele não titubeou em relação à sua fé. Cada um de nós precisa manifestar a mesma atitude de não apenas levar Jesus para nossos lares, mas assumi-lo como Senhor das nossas vidas, arrependendo dos nossos pecados e recebendo a salvação.

Deixe um comentário

Conecte-se com a rede social a qual pertence
  Se inscrever  
Notificação de

Veja outros

  • Estudos para as células
Atitude
All articles loaded
No more articles to load
[wcs-schedule id=2]