Carregando ...

Para Deus somos todos iguais

somosiguais
somosiguais

Vocês são o corpo de Cristo”. (I Coríntios 12:27a)

Um corpo não pode brigar com ele mesmo. Quem já viu o dedinho do pé dizendo que está com raiva da mão e que não quer mais fazer parte do corpo? Ou que a perna está com raiva da boca e não quer mais ir pra onde o restante do corpo está indo? É impossível isso acontecer! Mesmo com membros diferentes, o corpo é um só, e só pode caminhar se for junto.

A Bíblia nos ensina que nós, cristãos, aqueles que entregaram seus corações para Jesus e receberam Dele a vida, somos como um corpo. Portanto, apesar das nossas diferenças, precisamos andar juntos.

Assim como no corpo que, quando a cabeça dá um comando, o corpo inteiro obedece, nós, como corpo, temos um cabeça, Cristo, e devemos seguir as Suas orientações.

A Bíblia conta no Evangelho de Lucas (capítulo 10) a história do Bom Samaritano: Um viajante caminhava por uma estrada, quando foi assaltado por alguns homens maus, que não só o roubaram como muito o feriram, e lhe deixaram caído à beira do caminho, quase sem vida. Passaram por ali algumas pessoas, que olhavam a situação daquele rapaz, mas não se importavam com ele, pelo contrário, passavam de longe, desviando do pobre homem. Até que, por último, passou um samaritano, que não foi capaz de ignorar a situação daquele homem, e resolveu ajuda-lo, levando-o para um abrigo e pedindo que cuidassem das suas feridas, pagando pelo seu tratamento.

Acontece que, os samaritanos não eram bem vistos pelos judeus, e com essa parábola, Jesus nos ensina grandes lições:

  • Não podemos fazer distinção de pessoas, porque Deus ama a todos igualmente. Aquelas pessoas que passaram primeiro talvez tenham se sentido superiores ou melhores que aquele homem que estava à beira do caminho, e não quiseram estender-lhe a mão. Nós não podemos nos achar superiores ou melhores que ninguém, porque diante de Deus, somos todos iguais.
  • Devemos amar o próximo como a nós mesmos. Está escrito que aquilo que quisermos que os homens nos façam, devemos fazer a eles primeiro, ou seja, não devemos desejar para as outras pessoas aquilo que não queremos para nós, pelo contrário, devemos fazer a elas o que esperamos que façam conosco.
  • Não podemos julgar a ninguém. Na parábola de Jesus, quem ajudou o pobre homem foi um samaritano, alguém que os judeus julgavam não serem dignos de receber o Mestre. Nós não conhecemos o coração das pessoas, portanto não temos o direito de julgá-las pela cor, pelas vestes, pela condição financeira… por nada! O único juiz é Deus. E o lugar Dele, Ele não dá para ninguém.
  • Devemos amar as pessoas pelo que elas são e não pelo que elas têm. Aquele samaritano não ajudou o rapaz pelo que ele tinha, porque ele não tinha nada. Ele ajudou pelo que ele era: um ser humano necessitado. Nós precisamos aprender a olhar para as pessoas e enxergar nelas alguém que precisa de Jesus, assim como nós, e estendermos nossas mãos, ajudar, amar, servir, sem tratar de maneira diferente, mas valorizando pelo que são, e não pelo que podem nos dar.

Não esqueça que diante de Deus somos todos iguais, fazemos parte do mesmo corpo, e precisamos nos amar uns aos outros, sem distinção.

Deixe um comentário

Conecte-se com a rede social a qual pertence
  Se inscrever  
Notificação de

Veja outros

All articles loaded
No more articles to load
Agenda da Semana Agenda da Semana

Send this to a friend