O Poder do Evangelho

[social-share-display display="1561552678" force="true"]
opoderdoevangelho
opoderdoevangelho

Atos 8:5-8.

Durante toda leitura de Atos 8, vemos como a forma milagrosa da palavra de Deus age na vida do pecador, do cristão e dos que O buscam.
A Bíblia relata que o verbo se fez carne, todas as profecias que conhecemos no velho testamento a respeito do Senhor se cumpriram: Ele nasceu, morreu e ressuscitou e hoje vive em nosso meio, e Sua palavra hoje é a ferramenta mais forte que podemos usar nessa terra.

Com a ascensão do Senhor aos céus, os discípulos sofrem sua primeira perseguição, estão todos atordoados sem saber o que fazer e andando de cidade em cidade, mas nunca sem anunciar aquele que mudou suas vidas: Cristo. O que vemos é que mesmo na perseguição da igreja, Deus via uma forma de o evangelho se espalhar (Vs.4-5).

Cristo precisa ser pregado, Cristo precisa ser anunciado, e Deus quer que você o faça. Filipe pregava a Cristo, por isso os sinais e maravilhas o seguiam. Spurgeon declara que “O Evangelho que não revela o Salvador Divino não é absolutamente um Evangelho, é como um barco sem leme. O primeiro vento contrário que sopra, o leva à destruição, e, ai das almas que confiam nele”.

Filipe prega Cristo primeiro aos Pecadores.

Pecado é qualquer ato, sentimento ou pensamento que vai contra os padrões de Deus. Quem peca desrespeita as leis divinas, fazendo o que é errado ou injusto do ponto de vista de Deus.

Como sabemos que eles eram pecadores? Porque os espíritos imundos saiam deles. Satanás e seus demônios só podem entrar em um corpo onde há brechas, e brechas são legalidades que abrimos com a prática do pecado. Porém a ferramenta que Deus deixou para esse mal foi a verdade (Jo.8:32).

O Evangelho trouxe libertação para aqueles que ouviam atentos à palavra. O Versículo diz que as multidões unanimemente prestavam atenção ao que Filipe dizia. Como uma mesma palavra não traz efeito mútuo? Porque são poucos os que prestam atenção. A Bíblia diz que a fé vem pelo ouvir, e o ouvir a palavra de Deus (Rm.10:17). Quem para pra ouvir a palavra de Deus é liberto, é curado, é transformado.

Quem ouve o evangelho não fica paralisado em seu lugar, não fica coxo. Tem muito discípulos que precisam sair de seu estado paralítico, estão estagnados, não funcionam mais, não andam, não se movem; o evangelho de Cristo é poderoso para lhe tirar dessa paralisia. Ainda temos os que andam conosco mas puxando a perna – são coxos espirituais, andam puxando os argumentos de sua alma, argumentos com a palavra, argumentos com quem ministra, argumentos nas ofertas… Andam na igreja mas estão arrastando essa enfermidade. Precisamos da palavra de Cristo. A cidade que Cristo é pregada entra em alegria, pois os pecadores, paralíticos e coxos são salvos.

Filipe prega Cristo aos enganadores do Reino (Vs.9-10).

As artes mágicas tinham levado muitos samaritanos ao engano, e a falta de um ministro do evangelho na cidade fez com que as pessoas acreditassem nas magias. Hoje não é diferente. Aqueles que não conhecem ao Senhor estão se perdendo em seitas que falam somente ilusões; em busca de ajuda as pessoas têm se aprofundado cada vez mais em enganos, por falta de conhecer a verdade que liberta.

Os judeus consideravam os samaritanos impuros e adeptos de uma falsa religião. Samaria foi habitada por colonos trazidos pelos assírios. Esses colonos se casaram com os judeus remanescentes, e os samaritanos eram os descendentes nascidos desses casamentos mistos. Os judeus que viajavam para a Galiléia evitavam passar por Samaria, atravessando o rio Jordão na Peréia. Entretanto, a mensagem do evangelho transcendeu a barreira existente entre judeus e samaritanos (vs.12-13).

Aquele que enganava agora queria aprender sobre o reino de Deus, mesmo seu maior interesse sendo aquilo que mais lhe chamava atenção: o poder do Espírito Santo na vida daqueles que anunciavam o evangelho. Tudo em nossa vida tem um tempo determinado. Não corra atrás do poder de Deus em sua vida, corra atrás de Cristo, e as outras coisas serão acrescentadas.

Filipe prega Cristo ao Eunuco.

Filipe nesse texto nos ensina 2 coisas importantes acerca do evangelho de Jesus:

1. Obediência sem questionar (vs.6).

Filipe não questionou sobre anunciar o evangelho de Cristo.

2. Estar preparado (“Entendes tu o que lês?”)

Nosso Senhor sempre nos orienta que a falta de conhecer as escrituras é o que nos faz perecer. Não podemos anunciar aquilo que não sabemos ou não entendemos, pois vamos pregar os nossos achismos e não a Cristo (2 Tm.2:15).

A pergunta do Eunuco é sobre o quê Isaias está falando na leitura do texto, se dele mesmo ou de outro profeta. A resposta é simples: de Cristo (vs.35) “Então Filipe, abrindo a sua boca, e começando nesta Escritura, lhe anunciou a Jesus”.

Jesus sempre vai ser o Cordeiro que tira o pecado do mundo, e hoje você tem a oportunidade de conhecê-lo.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Veja outros

Agenda da Semana
Send this to a friend