Carregando ...

Quando o Vento de Deus Sopra

quandooventodedeussopra
quandooventodedeussopra

Gn.8:1; Ex.14:21; Ez.37:9

O vento é um fenômeno da natureza que faz parte da nossa vida diária, é o ar em movimento. Ele vem como brisa suave que acaricia o rosto e vem também como uma força devastadora.

O poder de Deus é comparado ao vento e muitas vezes, é manifestado pelo vento. A Bíblia cita vários tipos de ventos: vento norte, vento sul, vento ocidental e vento oriental. Sl.104:4 fala que Deus fez dos ventos Seus mensageiros. Sl.148:8 fala do vento tempestuoso que executa a palavra de Deus. Números 11:31 fala do vento que traz provisão.

Vejamos os tipos de ventos pelos quais Deus manifestou Seu poder:

1. O Vento da Esperança – Gn.8:1-2

Este é o vento que soprou sobre as aguas do dilúvio, aquietando-as, cessando as chuvas; o vento que trouxe a Noé e sua família o novo de Deus, uma nova terra, a esperança de um mundo melhor.

O Senhor quer fazer cessar as águas agitadas da vida. Assim como Deus escolheu Noé e lhe deu a oportunidade de salvação, assim o Senhor a cada dia dá uma nova oportunidade para o homem.

2. O Vento do Livramento – Ex.14:21

Este é o vento que sopra quando há medo, quando vem ameaça, perseguição, quando o inimigo quer paralisar, tirar o sonho da liberdade, escravizar.

O vento que sopra pra dividir as águas, a história. Antes de Cristo, Faraó (satanás) é senhor, tem poder sobre o homem, gerando medo, opressão, escravidão e morte; depois de Cristo, liberdade, ressurreição e vida.

3. Vento da Restauração, Reforma – Ez.37:9

Esse é o vento que soprou sobre o vale de ossos secos; corpos mortos há muito tempo, longe de qualquer esperança de ressurreição. Só o Senhor podia fazer o milagre. O profeta profetizou como ordenara o Senhor, e os ossos se uniram, criaram tendões, carne, ficaram perfeitos, mas faltava vida, até que o vento do Senhor soprou sobre os mortos, para que vivessem.

Quantos corpos sem vida caminham por este mundo, precisando do sopro de Deus, precisando serem levantados, despertados do sono da morte.

Os quatro ventos de Deus (vento norte, vento sul, vento leste e vento oeste) não trazem apenas vida, mas também destroem tudo o que não provem de Deus. São ventos liberados por Deus para endireitar, ajustar e alinhar, reformar o que está precisando de renovo. Esses ventos abrem a visão espiritual, trazem revelação, manifestam o cuidado e o amor de Deus.

Que venha desde os quatro ventos, oh Espírito, e sopre sobre os mortos para que vivam. Sopro de vida sobre os sonhos que já morreram, o primeiro amor que se foi, o chamado esquecido, a fé que acabou, o casamento desfeito, a doença que aflige, as finanças arruinadas, a esperança perdida…

Deixe um comentário

Conecte-se com a rede social a qual pertence
  Se inscrever  
Notificação de

Veja outros

  • Para célula
Tudo novo!
All articles loaded
No more articles to load
Agenda da Semana Agenda da Semana

Send this to a friend