As características do Pai

[social-share-display display="1561552678" force="true"]
caracteristicasdopai
caracteristicasdopai

TEXTO:Disse Faraó: Acharíamos porventura, homem como este, em quem há o Espírito de Deus?”. (Gn.41:38)

A Bíblia fala acerca de 4 Patriarcas, e hoje vamos estuda-los de maneira diferente, encontrando neles características que refletem o Pai. O primeiro patriarca foi Abraão e ele ficou conhecido como o Pai da Fé. E essa já pode ser a primeira característica de um pai que podemos identificar: é preciso ser um homem de fé. Abraão precisou ser obediente aos comandos que Deus lhe dava, para poder ter êxito na sua jornada; e durante sua caminhada, por muitas vezes sua fidelidade foi testada, principalmente quando o Senhor lhe pediu o seu filho Isaque. Abraão precisou lembrar que para ser um bom pai era necessário obedecer e ser fiel em todo tempo, ainda que isso lhe exigisse sacrifícios.

Isaque, filho de Abraão, foi o segundo patriarca que a Bíblia mostrou. E ele aprendeu com seu pai Abraão que era necessário ser um homem de confiança e credibilidade. Ele precisou confiar em Deus, acreditar que Sua promessa ia se cumprir na sua vida, e agir na direção daquilo que cria. Quando chegou na terra que Deus lhe enviou, os habitantes da terra disseram que ali não era uma boa terra para plantar, mas diz a Palavra que “Semeou Isaque naquela terra e colheu a trinta, a sessenta e a cem por um, porque o Senhor lhe abençoava.” (Gn.26:12). Ele não era conhecido na terra, mas ele gerou com o seu trabalho credibilidade e confiança nas pessoas que estavam ao seu redor.

Isaque gerou Jacó e Esaú. Jacó foi o terceiro patriarca descrito na Bíblia, e ele teve na sua trajetória que aprender a abrir mão de si mesmo, de seu temperamento, suas vontades carnais, por muitas vezes, para ter uma experiência mais profunda com Deus. Isso fala de Intimidade. Essa intimidade trouxe a multiplicação. Jacó multiplicou seus rebanhos e perseverou até conquistar sua família, onde veio ser pai de 12 filhos.

Dos 12 filhos de Jacó, José se destacou. Ele foi um exemplo de superação. Alguém que jamais desistiu dos seus sonhos (sonhador) e, embora tenha recebido o mal de seus irmãos e dos seus senhores (por ser escravo), ele retribuiu com o bem, e se tornou um abençoador de muitos. Todas as pessoas, não apenas do Egito, como das regiões vizinhas, buscavam José para poder se alimentar. Embora muitas vezes nós como filhos façamos o mal, o que não devemos, o Pai sempre nos retribui com o bem, sempre está disposto a nos abençoar e nunca desiste dos Seus sonhos pra nós.

Faraó ao olhar para José disse “Acharíamos porventura algum homem assim em quem há o Espírito de Deus?” e essa é a principal característica de um pai: ele tem o Espírito de Deus. Por isso devemos ser obedientes e submissos, e aprender com este tremendo modelo a cada dia como ser mais parecidos com o nosso Pai que está nos céus.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Veja outros

Agenda da Semana
Send this to a friend