Restaurando sua vida

[social-share-display display="1561552678" force="true"]

João 12:1-12

Este texto nos chama a atenção por alguns detalhes: trata-se de um casamento onde Jesus, seus discípulos e sua mãe são convidados, mas de repente são surpreendidos com uma informação: acabou o vinho. O que os convidados têm a ver com isso? Isso é um problema de quem está bancando a festa, dos anfitriões, dos noivos. No entanto, Maria vai a Jesus lhe informa: Eles não têm mais vinho.

O texto nos trás outra informação importantíssima: Ali perto havia seis potes de pedra, do tipo usado pelos judeus para as purificações cerimoniais. Todos esses potes (ou talhas) eram de grandes capacidades (80 a 120 litros), porém, estavam vazios. Para quê servem potes vazios e por que 6?
Estas 6 talhas ou 6 potes de pedra vazias representam os 6 dias da criação de Deus.

1ª Talha – LUZ

A primeira talha precisava ser trabalhada para que existisse uma forma (Gn.1:1). Deus então deu o comando: Haja luz e houve luz. Ao criar a luz Deus queria dizer que nós temos uma missão nesta terra (Mt.5:14). Se nossa vida não servir para iluminar outras, não serve para mais nada. Nesse primeiro dia Deus também fez separação a luz chamou dia e as trevas noite. Sua função nesta terra é separar-se também das trevas, do mal.

2ª Talha – SEPARAÇÃO DAS ÁGUAS

Gn.1:6 – „Águas‟ fala de pessoas, multidões. Havia muitas águas sobre a terra e Deus decidiu que elas não poderiam estar todas juntas no mesmo lugar. Quando o homem falava a mesma língua e começou a arquitetar chegar ao céu por seus próprios meios (torre de Babel), Deus teve que intervir rapidamente; por isso as águas precisam ser separadas, aqueles que querem andar com Deus e os que não querem.

3ª Talha – APAREÇA A PORÇÃO SECA

Gn.1:9-10 – A terra não poderia ser composta apenas de águas, de vários tipos de gentes; precisava ter uma porção seca, firme. Por isso no 3º dia, Deus estabeleceu que houvesse a porção seca. O 3º. Dia é o dia da mudança, da transformação.

4ªTalha – LUMINARES

Vs.14 – A quarta talha nos fala do governo, autoridade. Os dos dois grandes luminares tem o controle de tudo, faz separação da luz e das trevas, ilumina a terra. Deus está nos ensinando que o temos esta mesma função, fazer separação da luz e das trevas, marcar estações, dias, anos.

5ª Talha – SERES VIVOS AQUÁTICOS E AVES NO CÉU

Vs.20 – Esta talha fala da essência de Deus – vida. Deus é o Deus da vida. Observe que Ele criou todas estas coisas, mas até aqui não existia vida nem nas águas, nem nos céus e nem na terra. Deus viu que ficou bom e os abençoou, dizendo: sejam férteis e multipli-quem-se! Encham as águas dos mares! Multi-pliquem-se as aves na terra; por isso que quando somos salvos por Jesus precisamos nos multiplicar encher os céus, os mares.

6ª Talha – ANIMAIS TERRESTRES

Vs.24 – A sexta talha fala de discipulado. O texto diz rebanhos domésticos – nossa casa, nossa família é nosso rebanho doméstico; são aqueles que precisam reproduzir a face do mestre. Nossos rebanhos precisam se multiplicar, isso não é quantidade, mas quali-dade de vida, vida de paz, alegria e prazer.
O que Jesus viu naquela festa é que todas as talhas estavam vazias, por essa razão a festa não era boa, não tinha vinho, alegria. Jesus olhou para aquela situação e disse (vs.7): “Encham os potes com água”.
Só tem um jeito de mudar a situação: enchendo as talhas, os potes de água, da Palavra. Sem Palavra não há mudança.

Hoje tudo pode mudar em sua vida, o mila-gre pode acontecer, se você deixar o Mestre Jesus te encher hoje.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Veja outros

Agenda da Semana
Send this to a friend