Taking too long? Close loading screen.

A Ceia do Senhor

0

1 Co 11:25b

O que é aliança? Aliança simboliza acordo, tratado, contrato, união entre duas partes. A aliança na verdade é apenas a casca, a exterioridade, a parte de fora, a fidelidade é a essência.

A aliança só existe quando há fidelidade a Deus. Por isso que não podemos resumir nossa aliança com Deus através apenas de exterioridade: discursos, serviços ou atividade. A aliança é ter uma vida santa diante de Deus.

Para entendermos exatamente o que significa uma aliança com Deus em sua essência, é importante verificarmos o que o velho testamento diz, pois desde aquela época Deus já manifestava a necessidade de uma aliança e tentou estabelecer uma aliança com o povo.

O PRINCÍPIO DE UMA ALIANÇA COM DEUS

Êxodo 19:5,6,8Deus fala algo maravilhoso sobre a aliança para o seu povo, todo aquele que a guardar será transformado em:

A Propriedade peculiar de Deus

O Povo especial – “dentre todos os povos”;

O Reino de sacerdotes

A Nação santa

Deus constituiu uma aliança porque através dela queria transformar um povo. No Novo Testamento a ideia é a mesma. 1 Pedro 2:9

A aliança que Deus faz é para nos transformarmos em povo de Deus, raça eleita por Deus, nação santa, Deus quer fazer uma aliança contigo para te abençoar.

Temos algumas outras características sobre esta aliança:

  1. A ALIANÇA SIGNIFICA QUE NÓS PODEMOS CONTAR SEMPRE COM DEUS – Dt  4:30,31
  2. A ALIANÇA IMPLICA EM RELACIONAMENTO COM O SENHOR – Dt 7:6-9

Deus recorda verdades para conosco: Ele nos escolheu; Ele nos amou; Ele cumpriu suas promessas libertando seu povo; Ele é fiel.

Em todos os casos notamos algo importante: Deus faz a sua parte em sua aliança. E nós? Fomos exortados a voltarmos para Deus, escutarmos sua voz, obedecermos.

O que Deus espera de nós? O que faremos em relação a sua aliança? Então, o povo respondeu à uma: Tudo o que o SENHOR falou faremos. E Moisés relatou ao SENHOR as palavras do povo. Êxodo 19:8

Se faremos tudo como disse o povo ao Senhor, precisamos cumprir o que falamos. A ceia do Senhor fala disso, honrar a aliança que fizemos com o Senhor, não vamos fazer, ja fizemos, nos resta cumprir o que ja acordamos com Ele.

O que significa a Ceia do Senhor? Jesus a instituiu na noite da Pascoa (Lc 22:13-20). Da mesma maneira que a Pascoa celebrava a libertação da escravidão no Egito, a Ceia do Senhor celebra a libertação do pecado por meio da morte de Cristo.

O que é este Novo Testamento ou Nova Aliança? Na antiga aliança, as pessoas podiam aproximar-se de Deus somente por meio dos sacerdotes e do sistema sacrificial. A morte de Jesus na cruz introduziu uma Nova Aliança entre Deus e nós. Agora todas as pessoas podem aproximar-se pessoalmente de Deus e comunicar-se com Ele. O povo de Israel participou pela primeira vez dessa aliança depois de seu êxodo do Egito (Ex 24) que foi projetado para apontar para o dia em que Jesus Cristo viria a terra. A nova aliança é completa e não substitui a antiga, pois cumpre todas as expectativas desta (Jr 31:31-34). Comer o pão e beber o cálice mostram que estamos relembrando a morte de Cristo por nós e renovando nosso compromisso de servi-lo.

  1. 25 – Como nos lembramos de Cristo na Ceia do Senhor? Pensando sobre o que Ele fez por nós e por que o fez. Se a Ceia do Senhor tornar-se apenas uma cerimonia ou um hábito religioso, não mais celebrará a morte de Cristo e perderá a sua importância.

v.27 – Paulo deu instruções especificas a respeito de como a Ceia do Senhor deve ser observada:

  1. Devemos participar dela como uma atitude de reflexão, porque estamos proclamando que Cristo morreu por nossos pecados (11:26).
  2. Devemos participar dela de modo digno, com a reverencia e o respeito devidos.
  3. Devemos nos examinar antes de participar da Ceia do Senhor (v.28)
  4. Devemos ter consideração pelos outros esperando até que todas as pessoas tenham chegado e, em seguida, comer ordenadamente, demonstrando nossa união (v.33)

O que é participar indignamente da ceia?  V.27-34. É participar dela sem pensar no seu significado, aqueles que o faziam, seriam culpados do corpo e do sangue do Senhor. Em vez de honrar o sacrifício de Cristo, estavam compartilhando a culpa daqueles que o crucificaram.

Que haja hoje em seu coração a vontade e decisão de obedecer a Deus e assim cumprir a sua aliança.

 

Deixe uma resposta