Amar e perdoar

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

TEXTO:Pois se perdoarem as ofensas uns dos outros, o Pai celestial também lhes perdoará”. (Mateus 6:14)

Os dedos da nossa mão são todos diferentes. Uns são maiores, outros menores, mas cada um tem sua importância, e juntos, formam a mão, capaz de fazer tantas coisas. Assim também é a nossa família. Somos diferentes uns dos outros, cada um tem um jeito de pensar e agir, mas todos somos importantes e juntos podemos conquistar grandes coisas.

Deus criou a família e a abençoou para ter um futuro de êxito, de alegria, de vitória. Satanás, pelo contrário, odeia a família e tenta a todo custo destruí-la. E muitas vezes, para fazer isso, ele usa pessoas de dentro da própria família. Quem nunca foi magoado por alguém da sua casa? Ou nunca ficou com raiva de ninguém da sua família por ter dito ou feito algo que lhe desagradasse? E quem nunca errou? Só Jesus Cristo não errou! Mas nós, todos nós já erramos, já fomos feridos e já causamos feridas em alguém, já ficamos chateados ou já chateamos alguém.

Jesus, sabendo que passaríamos por dificuldades para viver o amor que Ele nos mandou, ensinou uma grande lição através da Parábola do Filho Pródigo. Vocês conhecem? Um homem tinha dois filhos. Um deles, quando soube que tinha direito a uma grande herança, pediu a seu pai a parte que lhe cabia. O pai não brigou com ele e nem relutou, só lhe entregou o dinheiro e o filho foi embora.

Mas as coisas não saíram como ele esperava, o dinheiro acabou, seus amigos se foram, e ele começou a passar fome. Foi aí que lembrou-se da vida que tinha na casa do seu pai e resolveu voltar. Quando o pai viu o filho voltando, se alegrou muito! Ele lhe deu roupas novas, colocou um anel no seu dedo, fez uma festa para ele e lhe perdoou. Sabe por quê? Porque “quem ama perdoa, e quem perdoa ama”. O perdão é a prova do amor, e deve fazer parte da nossa vida familiar.

No entanto, enquanto o pai perdoou e mostrou o seu amor para com o filho mais novo, o filho mais velho não agiu assim para com o seu irmão. Ele não aceitou e achou injusto a atitude do pai exatamente porque não compreendia o amor do Pai.

Se entendermos o que Jesus nos ensinou que assim como Ele nos amou, devemos amar o nosso irmão, não teremos problemas para perdoar. O perdão faz bem para quem perdoa e também para quem é perdoado. Quando exercitamos isso com os nossos irmãos, pais, avós, tios, primos… com os nossos parentes e com os nossos amigos, estamos fazendo o que a Bíblia nos ensina. Se tivermos amor e perdoarmos os que nos ofendem, o Senhor também vai fazer isso conosco, vai nos perdoar e aceitar, assim como o pai fez com aquele filho que havia ido embora de casa e voltou.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.